Existe uma grande confusão e ceticismo por parte do público em relação à quiroprática. Geralmente, esta confusão desaparece quando explicamos diretamente às pessoas a nossa abordagem ao tratamento dos problemas da coluna vertebral.  Portanto, queremos aproveitar para clarificar a forma como trabalhamos na Vida Clinic Santarém.

Em primeiro lugar, é essencial identificar a causa da dor. Isto ajudá-lo-á a determinar se o seu dinheiro será mais bem gasto em massagens, medicamentos, osteopatia, quiroprática ou aulas de yoga. Por exemplo, se tiver uma irritação de um disco vertebral, a massagem não ajudará muito. Se tiver uma infeção nos rins, a quiroprática provavelmente não o vai salvar, e por aí fora. É por esta razão que o primeiro passo na nossa clínica é sempre uma avaliação para garantir que está no lugar certo.

Após determinar se o seu problema tem origem nalguma disfunção da coluna, podemos começar a falar sobre como podemos ajudar.  O que é interessante acerca dos problemas da coluna é que têm uma vastidão de efeitos e sintomas no corpo.

Uma vez que a coluna é a fundação sobre a qual ocorre todo o movimento do corpo e que envolve e protege a espinal medula, os problemas na coluna e à sua volta afetam muitas vezes áreas do corpo mais distantes, tais como os braços e pernas.  É por isto que é importante analisá-la de perto.  Uma dor no ombro pode ter origem num problema do pescoço. Dor nos pés pode vir de um problema na bacia.

Nós quiropráticos somos especialistas na correção de problemas da coluna. Para a maioria das pessoas, por forma a corrigir um problema, têm de ocorrer 3 coisas:

1) tem de ser aplicada uma pequena dose de força sobre os segmentos disfuncionais da coluna, por forma a reestabelecer a sua movimentação adequada e aliviar o stress exercido nessa parte do sistema nervoso. É isto que fazemos como quiropráticos e é muito seguro e confortável para a grande maioria das pessoas.

2) Temos de identificar os hábitos que podem ter contribuído para o desenvolvimento do problema e procurar formas de alterar estes hábitos.

3) Temos de fazer alguma movimentação reabilitativa, por forma a reestabelecer padrões adequados de movimento do corpo.  Isto não significa ir para um ginásio fazer atividades aeróbicas ou de força, nem praticar desporto. Não ajuda muito desenvolver simplesmente a força de músculos individuais porque o corpo não trabalha com movimentos isolados, tal como acontece com máquinas, pesos ou atividades desportivas repetitivas.  Os programas de correção reabilitativa envolvem movimento funcional, tais como as rotinas que temos desenvolvido e usamos nos nossos pacientes.  O corpo requer ativação, coordenação e força adequadas para ultrapassar os problemas de desequilíbrio de postura e disfunção da coluna.  A maioria dos nossos pacientes gosta verdadeiramente deste aspeto dos cuidados.

Apesar de parecer complexa, a nossa abordagem é, na realidade, muito simples. Realizados desta forma, os cuidados quiropráticos e o movimento funcional são extremamente eficazes no alívio da dor relacionada com a disfunção vertebral.

Se quiser descobrir se podemos ajudar no seu caso, marque uma consulta na Vida Clinic Santarém.

Faça referência a este artigo quando fizer a marcação e terá 50% de desconto no preço da consulta.